O prazer de estar em comunidade

O prazer de estar em comunidade

31 de janeiro de 2013 21:08 9 comments

Já faz quase quatro anos que pertenço à comunidade do Gojava. Tudo começou no FliSol 2009 na Faculdade de Tecnologia do Senai, próximo ao Diário da manhã. Um evento extremamente lotado, por culpa do Gojava, que conseguiu trazer o Javaman para encerrar o evento. Eu estava estudando Java por conta própria, pois em contradição com as demais instituições, a minha faculdade não estava ensinando esta linguagem nas disciplinas que envolvem programação ainda.

Javaman

Javaman – Encerramento Flisol 2009

Foi uma experiência incrível e, graças ao HackLab do Gojava, conheci a Flávia Suares, que pelos meus cálculos é a JugLeader mais antiga da comunidade, e apesar de ficar encantado com sua beleza, fiz um contato bem profissional com ela (Eu juro). Brincadeiras a parte, ingressei na comunidade, assinei a lista e comecei a conhecer o pessoal, e percebi que já fiquei a frente dos demais colegas de classe por não estar mais preso ao mundinho acadêmico.

Uma lista com mais de mil inscritos, já há tantos anos ativa, não é um grupo qualquer. E foi assim que conheci pessoas incríveis, com grandes cargos, em grandes empresas, com palestras hipnotizantes, tratando assuntos tão recentes, e fui aprimorando meu networking, tudo isso graças ao Gojava.

Assim, conheci outras comunidades goianas através do Gojava, ajudei a organizar eventos de informática, palestrei em vários, vi eventos terem só uma edição, vi eventos já com 10 anos de acontecimento, discussões, tensão e muitas outras coisas que acontecem em uma comunidade. Isso agregou uma experiência que, em quase todas as empresas em que trabalhei, eu cito exemplos vividos dentro da comunidade para servir de exemplo no ambiente de trabalho.

Através do Gojava conquistei oportunidades de emprego, ganhei cursos online, presenciais, na 3way, por exemplo, e conquistei o melhor: Amigos. Gosto de falar que é sempre bom comentar com as pessoas sobre suas experiências pois assim elas podem te ajudar em algo, ou absorver algum conteúdo para si. E assim foi com o Gojava. Aprendi muito e cresci muito intelectualmente estando em comunidade.

SheldonLed-Gojava

Sheldon Led – Latinoware 2009

Gostaria de fazer um convite a quem está lendo este post, para que se envolva! Mantenha-se conectado. Networking é algo imprescindível no mercado de trabalho, e porque não começar com uma comunidade tão grandiosa como o Gojava. Participe, palestre, colabore nos eventos! O Gojava apóia o Movimento Software Livre, e em Goiás há dois eventos fixos nessa área: O Flisol e o FGSL.

Fique por dentro, acompanhe a Página do Gojava no Facebook,e no Twitter também, inscreva-se no Grupo de Discussão do Gojava. Eu garanto que terá experiências fascinantes, que agregarão seu currículo, e agregará seu conhecimento de desenvolvimento colaborativo.

9 Comments

  • Fábio Alves Gomes

    muito boa opinião sobre o q é participar da comunidade, nos últimos dias resolvi ser mais participativo no GoJava e no GUJ, reitero a importância de ser ativo nos grupos/comunidades, é bom tanto para o profissional experiente quanto para os iniciantes, os 2 ajudam e são ajudados, compartilhem o conhecimento : )

Leave a reply